Portal O Sol Diário – Grupo RBS – Chapéu

Olá, queridos leitores!

Compartilho com vocês minha entrevista ao “O Sol Diário”, do grupo RBS, onde eu dei dicas sobre “MODA PRAIA – CHAPÉUS: masculinos e femininos”. Confira a entrevista!

Chapéus fazem a cabeça de homens e mulheres nas praias do Litoral Norte de Santa Catarina

Acessório é utilizado tanto para se proteger do sol forte quanto para destacar a produção

Coloridos, sóbrios, de palha ou de pano. Dos mais extravagantes até os modelos super em alta, durante o verão os chapéus fazem a cabeça de homens e mulheres de todas as idades. Nas praias de Balneário Camboriú são muitos os adeptos do acessório, que o utilizam tanto para se proteger do sol forte quanto para destacar a produção.

Apesar da moda ser democrática e as opções variarem de acordo com o estilo de cada um, a marca do verão 2012/2013 em termos de chapéu é o Malandrinho. Adaptação em várias texturas do Panamá de aba estreita, o modelo agrada tanto homens quanto mulheres.- Essa é uma forma popular de chamar o Panamá de aba curta, lembra o malandro carioca do samba e está super em alta para ambos os sexos – explica a consultora de moda e imagem, Carolina Bastos. A psicóloga Adriana Leite, 25 anos, trouxe o modelo do Rio de Janeiro justamente para desfilar na praia do Estaleirinho. A moça, que sempre que pode usa chapéu, escolheu o modelo porque foi o que mais casou com o rosto.Por ser unissex, o ambulante Almiro Andrade, 46, conta que o modelo está sendo o mais vendido da estação. Eles vieram em diferentes cores e materiais que vão da palha a fibras mais grossas. As mulheres podem optar pelos modelos com faixa de estampas, como as de oncinha, que dão um toque mais feminino.As mais tradicionais podem compartilhar com o namorado o de palha clara e faixa preta ou ainda ousar com a palha escura e faixa mais clara. Apesar de discreto, o modelo é casual e combina com quase todo o tipo de roupa. Almiro vende os chapéus a preços que variam entre R$ 30 e R$ 35, na Praia Central de Balneário Camboriú.

Sinônimo de elegância até a década de 30, os chapéus passaram a ser usados como acessórios para se proteger do sol. Algumas viseiras, conforme explica Carolina, têm até fator de proteção solar. Mas ainda há quem se arrisque a caprichar na composição para dar destaque ao item.

Clássicos

Assim como na moda, quando o assunto é chapéu é bom lembrar que também existem os clássicos, tidos como o pretinho básico das cabeças. São aqueles que dificilmente saem de moda e incrementam qualquer produção. Para as mulheres, o modelo clássico,segundo Carolina Bastos, é chapéu de aba larga.

Muitas mulheres como a turista de Londrina (PR) Tina Barbosa, 29, o escolhem pelo tamanho sugerir uma proteção maior. E elas não estão erradas, a aba de alguns modelos protegem não somente o rosto todo como também boa parte dos ombros.

- É um modelo que não precisa ser descartado. É um clássico, não sai de moda jamais: o pretinho básico da moda praia – explica a consultora.

Para os homens, a escolha certeira é o boné. As modelagens podem variar das mais ajustadas até as de estilo rapper para os mais ousados. As cores e estampas também variam de uma coleção para outra, mas o preto, branco e os tons pastéis nunca saem de moda.

Esportivos

As viseiras de tecido ainda são as preferidas das senhoras. Mas modelos mais modernos, com fibras grossas ou plástico, que fazem o gênero esportivo, estão ganhando espaço entre mulheres de todas as idades.

- As viseiras estão vindo muito fortes nesta estação. Nessa proposta de material mais grosso, temos algumas mais sofisticadas, que estão sendo bastante usadas por jovens – diz Carolina.

A estudante Isabela Maran, 23, escolheu a dela com base na cor que lhe caía melhor. Ela apostou num modelo mais fechado, com fibra grossa e trama fechada. As viseiras esportivas também continuam fortes, mas nesse caso têm de casar com o estilo esportivo de quem estiver usando.

Práticos

Nada preocupada com o que é tendência, Fernanda Mendonça, 29, optou pelo chapéu mais fácil de carregar. A professora de Maringá (PR) comprou um modelo dobrável para não ter a preocupação de transportar o acessório em um case próprio.

Espero que tenham gostado!! Curta, compartilhe e comente…fique à vontade por aqui!!
Beijinhos e até mais!
Leia Pv 14:22-24: “Quem trabalha para o bem ganha a confiança e o respeito dos outros, mas quem trabalha para o mal está cometendo um erro. Quem trabalha tem com o que viver, mas quem só conversa passará necessidade. Os sábios são recompensados com riquezas, mas a recompensa do tolo são as suas próprias tolices. “

 


Comentar via Facebook

Comentário(s)

Ainda sem comentários.

Deixe um comentário